Holanda vence o torneio ‘Somos Todos Educandos’, e evento arrecada mais de 300 quilos de alimentos não perecíveis

Foto: Mauro Neto / Sejel
Foto: Mauro Neto / Sejel


O futebol amazonense mostrou sua força em mais um show de solidariedade no Torneio “Somos Todos Educandos”, que teve como campeã a equipe do Holanda, que venceu o Sul América por 4 a 0.

A competição, que ocorreu na tarde de sábado (22/12), na Arena da Amazônia, localizada no bairro Flores, zona centro-sul de Manaus, foi realizada pelo Governo do Amazonas, por meio da Secretaria de Estado de Juventude, Esporte e

 Lazer (Sejel), em parceria com os oito times participantes da disputa, resultando na arrecadação de mais de 300 quilos de alimentos não perecíveis para as vítimas do incêndio ocorrido na noite da última segunda-feira (15/12), no bairro de Educandos.

Com sete jogos no total, o torneio começou com o Sul América vencendo o São Raimundo por 5×0, com gols de Derik, Magno, Alex Costa, Harison e Antony. A segunda partida foi um clássico “Rio-Nal” (Rio Negro x Nacional). No horário regular, que foram dois tempos de 15 minutos, as equipes ficaram sem marcar gols e precisaram decidir nos pênaltis, ocasião em que o Nacional levou a melhor e converteu dois gols, finalizando as cobranças em 2 a 1 para a equipe azulina.

Um dos jogos mais emocionantes da tarde, que contou com muita rivalidade, foi entre Holanda e Manaus FC. Eles ficaram no 0×0, mas nos pênaltis, o Holanda, que vem com meses de treino se preparando para a Copinha São Paulo 2019, venceu por 2 a 1, com direito à defesa do último pênalti do Manaus pelo goleiro Almeida. Fast e América FC tentaram a última vaga na semifinal, tendo o América levado a melhor e faturado seu lugar na fase seguinte do torneio, após vitória sobre o Rolo Compressor por 1 a 0 em tempo normal.

Na primeira semifinal, o Sul América desbancou o Nacional nos pênaltis, acertando 3 contra dois dos adversários. América e Holanda fizeram a segunda semifinal, protagonizada pelo camisa 11, Lucas Espiga, que fez os dois gols da partida e levou o Laranja Mecânica para a final contra o Sulão.

Na finalíssima, ainda aquecida, a equipe do Holanda abriu o placar aos 11 minutos do primeiro tempo com um chute de Espiga. Na sequência, aos 13, falta na pequena área.

Espiga cobrou o pênalti, chutando no meio, o goleiro espalmou e, no rebote, ele mesmo aproveitou e ampliou o marcador. No primeiro lance do segundo tempo, Veriano cruzou e Bruno chutou, garantindo mais um gol e sagrando o Holanda como campeão do torneio solidário.

Para o técnico do Holanda, Sérgio Duarte, quem ganhou foram as famílias do bairro Educandos. “Nós temos treinado bastante para a Copinha São Paulo, onde vamos estrear no próximo dia 3 de janeiro, contra a equipe da casa, mas, hoje, aqui, sei que as outras equipes gostariam de levantar o troféu de campeão, mas a vitória é do povo vitimado daquele incêndio, eles são os verdadeiros vencedores. Essa ideia do torneio com esse cunho solidário foi muito boa. Parabéns a todos e ao Holanda, que fez por merecer e sagrou-se campeão”, destacou.

Destaque - Autor de quatro gols durante a competição, sendo dois na final, Espiga se sente feliz por poder ajudar e destaca que a equipe está indo muito bem, levando em conta o desafio de disputar a Copa São Paulo 2019, em janeiro.

“Eu me sinto muito bem em poder ajudar as famílias daquele trágico acidente. Foi um belo torneio, partidas saudáveis, mas viemos para ganhar, pois ganhar também é bom. Mas esse resultado veio também por conta do nosso trabalho, e de muito treino e foco para a Copinha, que será no próximo mês. Além disso, nossa união e entrosamento foram determinantes”, disse o camisa 11.

Solidariedade - Com o espírito solidário e cheios da vontade de ajudar o próximo, pessoas de todos os lugares passaram o dia fazendo doações na Arena da Amazônia, mesmo antes dos jogos. Durante o torneio, os donativos chegavam a todo o momento, resultando, ao fim da competição, em mais de 300 quilos de doações entre roupas, alimentos, brinquedos, e demais mantimentos arrecadados.

Voluntariado - Já faz mais de três dias que, além de receber doações, equipes da Sejel e voluntários estão fazendo a separação e organização dos materiais doados. Conforme o titular da pasta, Manoel Almeida, todos estão de parabéns pela ação e até segunda-feira, as pessoas receberão o total arrecadado, para que possam usufruir dos donativos e tenham a esperança de dias melhores.

“A sociedade está de parabéns e esse torneio solidário também foi muito importante para comprovar a bondade e a solidariedade de todos nós. Os técnicos, jogadores, árbitros, assim como os torcedores, que mesmo diante da chuva compareceram e torceram, minhas congratulações e o meu mais sincero obrigado. Nós trabalharemos neste domingo com todo o material recebido aqui na Arena da Amazônia e também na Vila Olímpica, para organizar, montar cestas e na segunda-feira (24/12), conseguiremos levar aos nossos irmãos do Educandos. Quem quiser ajudar nesse trabalho voluntariado será muito bem-vindo”, afirmou.

FOTOS: MAURO NETO/SEJEL