Duplicação da AM-070 avança sobre a ponte do Ariaú e José Melo anuncia aceleração das obras

FOTO: VITOR SOUZA/SECOM
FOTO: VITOR SOUZA/SECOM

As obras da duplicação rodovia Manoel Urbano (AM-070), que faz a ligação entre os municípios de Manaus e Iranduba até Manacapuru, começaram a avançar em mais um ponto. As máquinas já trabalham na colocação das estacas para os pilares de sustentação da ponte sobre o Rio Ariaú, que está sendo duplicada em função do alargamento da estrada. Ao vistoriar os trabalhos neste fim de semana, o governador José Melo anunciou a aceleração de duas frentes de obras nos trechos que ainda faltam para completar a duplicação dos 78 quilômetros e uma operação tapa buracos.

“Quero dizer que agora, se Deus quiser, neste próximo verão, nós vamos fazer duas frentes de obras, uma vindo de Manacapuru para cá e outra do Ariaú para lá”, disse o governador. Segundo ele, a liberação pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) viabilizou a aceleração dos trabalhos na rodovia.

José Melo anunciou ainda o início de uma operação tapa-buracos no trecho onde a estrada ainda não está duplicada. “Agora, nós conseguimos avançar muito em relação ao Iphan, que nos deu um nível grande de celeridade. Este ano não conseguimos asfaltar até o Ariaú porque tivemos problemas ainda com o Iphan. Mas a grande verdade é que as coisas estão acontecendo. Ao terminar de estaquear aqui (a ponte), vamos levar o maquinário lá para Manacapuru para duplicar também a ponte do Miriti. Portanto, neste próximo verão, teremos duas frentes de obras: uma daqui pra lá e outra de lá pra cá. E eu aproveitei para fazer uma grande operação tapa-buracos até Manacapuru, para que a gente possa ter um Natal e um Ano Novo tranquilos nesta estrada”.

Manutenção da AM-010 – O governador ainda falou sobre os trabalhos de manutenção que estão sendo realizados na AM-010 (Manaus-Itacoatiara). “Nós estamos fazendo a manutenção e, para a segurança daqueles que usam a AM-010, nossos amigos de Itacoatiara, de Rio Preto da Eva e daqui de Manaus, o nosso contrato é de 12 meses. Significa dizer que a empresa vai ficar permanentemente. Abriu um buraco, ela vai ficar lá e concerta”.

Visita a obras – O governador voltou a visitar obras neste fim de semana. No sábado percorreu a Avenida das Flores, desde a entrada na rodovia AM-010, onde 6,5 quilômetros, até a rua 7 de Maio, já estão concluídos e liberados para circulação e avançou sobre os trechos em obra até as proximidades da avenida Noel Nutels. Nesse trecho, José Melo garantiu que a obra da passagem de nível sob a avenida, deve iniciar em breve, uma vez que os processos de desapropriações devem concluir nos próximos dias.

“Vamos passar por baixo da Noel Nutels. Estamos concluindo as desapropriações esta semana que entra e no mês de janeiro vamos entrar rasgando aí a Noel Nutels. Minha determinação é que em dezembro do próximo ano o presente que vamos dar para a cidade de Manaus será a inauguração de todo o trecho que liga essa avenida, que vem desde o Aterro Sanitário, na AM-010, encaixando com a Avenida das Flores”.

Anel Viário e Viver Melhor III - Melo percorreu também um trecho da estrada do Tarumã, que está sendo duplicada para a implantação do Anel Viário Leste, cujas obras devem ser retomadas e foi até o conjunto residencial Viver Melhor III, que será entregue nesta segunda-feira com 2 mil apartamentos, sendo 500 adaptados para pessoas com deficiência.

“Minha esposa Edilene (primeira-dama Edilene Gomes de Oliveira e presidente do FPS) conseguiu o dinheiro via Fundo de Promoção Social para fazer as adaptações. São dois mil rostos que vão deixar de pagar aluguel, vão deixar de morar de favor para poderem dizer, agora eu tenho um lar seguro e permanente par mim e para o futuro dos meus filhos”, disse o governador.