UEA adquire equipamentos de ponta para curso de Produção Audiovisual

FOTO - DIVULGAÇÃO
FOTO - DIVULGAÇÃO

A partir desta semana, acadêmicos do curso de Tecnologia em Produção Audiovisual da Escola Superior de Artes e Turismo (ESAT), da Universidade do Estado do Amazonas (UEA), poderão contar com equipamentos de ponta para o desenvolvimento das atividades práticas do curso. A UEA investiu em equipamentos para comunidade acadêmica.

 Foram mais de 64 itens adquiridos pela UEA, que envolvem seis ilhas de edição, três ilhas de finalização, equipamentos de iluminação com tecnologia LED e digital. As ilhas de edição e as de finalização comportam 8 iMAC, 4 iMAC Pro, além de dois MacBook Pro, que serão utilizados pelos universitários nas aulas de campo.

 Também foram adquiridas 11 câmeras com tecnologia Full HD e Full-Freum de 35mm, que é a mesma tecnologia utilizada na películas de cinema. Entre as câmeras adquiridas estão cinco GoPro Hero 3+, três Canon 5D Mark III, três Sony Nex Ea50h, também carrinhos de movimento e o Skater Dolly, uma espécie de skate de pequeno porte utilizado como suporte para a captação imagens diferenciadas.

 Marco - Para o coordenador do curso de Tecnologia Produção Audiovisual da UEA, Abrahim Baze Jr, a chegada desses equipamentos é um marco não só para os alunos, mas também para a história da instituição. Baze ressalta ainda que, além de atender a demanda dos cursos, os equipamentos vão servir para atender as demandas internas da universidade.

“Do ponto de vista dos alunos, é um diferencial poder trabalhar com esses equipamentos que são utilizados pelas grandes produtoras. Pelo lado dos professores, é quase que sair do mercado e trazer a compatibilidade do mercado para a sala de aula. O professor está acostumado com equipamentos bons e ao chegar à sala de aula, ele não vai ter um impacto negativo ao utilizar os nossos materiais. Estamos trabalhando com o que há de melhor no mercado” disse.

Até o mês passado as aulas práticas eram realizadas por meio de parcerias com produtoras locais para a utilização dos equipamentos.

A acadêmica do curso, Dheik Praia, definiu a chegada dos aparelhos como uma injeção de ânimo. Ela lembrou ainda que cinema não se faz sem equipamentos. “A partir do momento que a instituição observa a importância desses materiais para a realização do curso, isso mostra que a UEA está apostando nos novos alunos e nos talentos do Amazonas. É um incentivo para quem já está no curso e também para os futuros calouros”, acrescentou.

Nova turma, projetos e parcerias - O coordenador do curso, Abrahin Baze Jr, informou também que, em breve, a UEA fechará uma parceria com a Fundação Municipal de Cultura, Turismo e Eventos (Manauscult) para receber 16 cursos do Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (Pronatec) na área de audiovisual. Os cursos serão oferecidos a partir do mês de setembro.

Por meio de uma parceria com o Observatório da Economia Criativa (OBEC) da Universidade Federal do Amazonas (Ufam), a UEA está recebendo o investimento de mais de R$ 300 mil para a instalação de núcleo de produção digital do Ministério da Cultura. A coordenação do curso também está em fase de desenvolvimento de um projeto de produtividade a ser construído com o Curso de Turismo para a criação de documentários sobre os municípios e também um sobre os 14 anos da UEA.

 A nova turma do curso de Produção Audiovisual da UEA será oferecida no próximo vestibular 2014/2, com ingresso no segundo semestre de 2015. A primeira turma do curso deve encerrar as atividades em julho de 2015.