Governo do Amazonas congratula policiais do Ronda no Bairro da zona norte e anuncia lançamento da segunda fase na zona leste

Foto: Alex Pazuello
Foto: Alex Pazuello

O Governo do Amazonas congratulou na manhã desta segunda-feira, 16 de julho, 64 policiais civis e militares que tiveram boa atuação na redução dos índices de criminalidade do mês de junho, na zona norte da capital, fruto da atuação do programa Ronda no Bairro. As homenagens foram acompanhadas pela presidente do Fundo de Promoção Social (FPS) e primeira-dama do Estado, Nejmi Aziz, em cerimônia no Centro de Educação de Tempo Integral (Ceti) João dos Santos Braga, que destacou o lançamento do programa na zona leste, no próximo dia 19 de julho, pelo governador Omar Aziz. 

Conforme dados da Secretaria de Segurança Pública (SSP), no mês de junho, foi registrada uma queda de 14% nos crimes na zona norte, em relação ao mesmo período do ano passado. As maiores reduções foram em homicídio (-14%); tentativa de homicídio (-35%); estupro (-25%); e lesão corporal (-18%). 

Para a presidente do FPS, a integração entre a polícia e a comunidade é o principal foco para o resultado do programa. Nejmi Aziz também enfatizou que as delegacias estarão inseridas nas campanhas estaduais de meio ambiente como uma maneira de humanizar os ambientes e arborizar os espaços utilizados pela segurança pública. 

“O governador Omar Aziz vai lançar, no dia 19, o programa Ronda No Bairro na zona leste, porque ele quer que toda Manaus e o interior estejam com o Ronda no Bairro, para que as pessoas possam viver melhor e com segurança. E esse é um trabalho que estamos fazendo junto com a comunidade e com as polícias civil e militar. Fico muito feliz também porque todos os DIPs (Distritos Integrados de Polícia) estão recebendo a campanha do meio ambiente e, com isso, estamos conseguindo arborizar esses locais por meio de doações de plantas”.  

Para o secretário adjunto do Ronda no Bairro, tenente-coronel Amadeu Soares, os dados refletem o compromisso com a população. “Apresentamos uma redução muito forte nos casos de lesão corporal e estupro, que eram muito altos e estávamos trabalhando a redução desde a implantação do programa. Mas os trabalhos foram sendo realizados conforme a determinação do governador Omar Aziz e, hoje, esses baixos índices são importantes porque estamos trabalhando para que a sociedade possa se sentir mais segura”. 

Mais tranquilidade – Moradora há oito anos do bairro Santa Etelvina, a auxiliar de serviços gerais Zilma Fernandes, 46, comentou que antes da implantação do Ronda no Bairro a rua onde mora era alvo de muitos assaltos. Atualmente, ela disse que já caminha com tranquilidade. 

“Pela primeira vez vejo que posso ir e voltar para minha casa sem ter tanto medo, porque a polícia sempre passa pela minha rua e quando vejo algo estranho, eu ligo e logo eles (policiais) aparecem para vistoriar”. 

Segunda fase – O programa Ronda nos Bairro vai abranger, nesta segunda etapa, as zonas leste e centro-sul da cidade de Manaus.  Segundo a SSP, o efetivo da Polícia Militar na zona leste vai saltar dos atuais 278 para 931. A Polícia Civil sairá dos 166 para 232. Na zona centro-sul, o efetivo da PM sairá dos 112 para 561 e da Polícia Civil de 37 para 111.