Governo lança frente de recuperação de ramais para facilitar escoamento de produção

Pelo menos 300 quilômetros de vicinais devem ser recuperados em Presidente Figueiredo, Itacoatiara e Iranduba, no projeto chamado “Caminho da felicidade”. O lançamento da frente de recuperação acontece amanhã, dia 10, na cidade das Cachoeiras, às 11h.

O trabalho será feito pelo Governo do Estado, por meio da Secretaria de Estado da Produção Rural (Sepror), em parceria com as prefeituras e o Instituto de Colonização e Reforma Agrária (Incra). “Vamos aproveitar o verão para as obras e desta forma facilitar o escoamento da produção rural”, declarou o secretário Eron Bezerra.

A recuperação de vicinais faz parte do programa de Aprimoramento da Infraestrutura que tem a meta construir e restaurar vicinais em todo o Amazonas, a exemplo dos trabalhos já realizados em 10 municípios. “Quando você vê esse povo carregando sua produção nas costas, andando horas e horas até chegar na pista você entende a real necessidade desse projeto”, concluiu o Gerente de Estradas de Vicinais da Sepror, Carlos Almeida da Conceição.

A meta este ano é recuperar 1,7 mil quilômetros em todo o Amazonas. Até o momento a Sepror já restaurou uma média de mil quilômetros, dos quais 200 quilômetros somente na região do entorno de Manaus.

Cronograma de obras

No sábado, o lançamento das obras acontecerá em Itacoatiara e no domingo, será a vez do Iranduba receber a frente de recuperação dos ramais.

Em Presidente Figueiredo o Incra fará a entrega oficial para a Sepror da patrulha mecânica que vai executar o trabalho de terraplanagem na cidade. A obra começará pelo Ramal do Urubuí. Somente neste município serão recuperados 119 quilômetros, sendo 12 quilômetros no Urubuí, beneficiando 320 famílias da comunidade. A previsão é de concluir os trabalhos neste município num prazo de 60 dias.

Em Itacoatiara os trabalhos começam oficialmente no sábado, dia 13, com previsão total de revitalizar 104 quilômetros. Os trabalhos, no entanto, já iniciaram no município, no Ramal Iporá, quilômetro 132, AM 010. Essa comunidade receberá 30 quilômetros de recuperação, o que deverá beneficiar uma média de 400 famílias, com serviços de terraplanagem e imprimação com asfalto. Também na AM 010 a recuperação dos ramais já chegou ao Assentamento Santo Antônio, no quilômetro 47, onde 12 quilômetros serão vitalizados.

Já em Iranduba, a frente de obras será lançada neste domingo, dia 14, com previsão de restaurar 108 quilômetros no total.

Siga o @governoamazonas no Twitter!